VIEIRARESENDE-IMÓVEIS NO VALE DO PARAÍBA/BR-CRECI 71324 F
Consultor Imobiliário
vieiraresendeempresas@gmail.com
vieiraresendeempresas@hotmail.com
tels.: 55 (012 ) 991188462 (claro) -55 (012) 981723242 (TIM)-55 (012) 988004045 (OI)

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Oportunidade de Negócios Frigorífico de Suíno ,Bovino capacidade acima de 1000 cabeças ao dia‏

Uma excelente oportunidade para o investidor que goste de comprar empresas com dívidas,  vale muito mais que o ofertado!!! Estou direto com os proprietários, são meus amigos!!
 
Conforme solicitado, segue mais dados sobre o frigorífico ao qual estou direto com os proprietários!! 
 
 
Todas as dívidas incluindo comissões não passam de 60 Milhões.
 
 
Podemos agendar a reunião com a maior facilidades
 
Obs. IMPORTANTE:  Como a empresa não receberá nenhum valor em suas contas, todos os pagamentos deverão ser feitos aos credores, a empresa não tem como efetuar o pagamento das comissões, que deverá ser assumido pelo comprador, no percentual de 10 % (dez por cento) sobre o montante dos 60 milhões.
 
Todos possuem SIF, porém 2 terão que resgatar por questões de dividas e acertos judiciais.....que fizeram.
 conforme solicitado, segue memorial descritivo do Frigorífico.
A empresa possui dividas principalmente na área trabalhista.
A proposta da diretoria é a troca de todo o patrimônio pelo passivo, ou seja quem assumir as dívidas fica com toda estrutura.
 
Toda a planta do frigorífico foi reformada em 2009 e está em excelentes condições, o S.I.F. está ativo e apto para exportação para mais de 84 países.
 
Obs.: O comprador poderá manter a Razão Social, que já é reconhecida internacionalmente e principalmente manter-se como Cooperativa, o que permite uma série de isenções fiscais.
 
 
A planta frigorífica, é a única com duplo e triplo propósito, processando abates de três espécies: bovinos, suínos e ovinos, na mesma jornada, só com intervalo necessário para a limpeza para a troca das espécies.
 
 
HABILITAÇÕES PARA EXPORTAÇÃO
 
Além dos países relacionados abaixo, e que constam no Anexo I ao fim deste documento, também está habilitado para o Equador. Para exportar para a Comunidade Européia é somente necessário o início de abate de bovinos, cuja liberação é imediata através do Ministério da Agricultura do Brasil.

Carne de bovino “in natura”
Cingapura
Egito
Emirados Árabes Unidos
Hong Kong
Uruguai
Geral (*)
 
Carne de bovino “in natura”
África do Sul
Argentina
Bulgária
Hong Kong
Rússia
Ucrânia
Uruguai
Geral (*)
 
Envoltórios naturais
África do Sul
Ucrânia
Uruguai
União Européia
Geral (*)
 
 
Miúdos de bovinos “in natura”
Emirados Árabes Unidos
Hong Kong
Uruguai
Geral (*)
 
Miúdos de suínos “in natura”
Argentina
Hong Kong
Uruguai
Geral (*)
 
Subprodutos diversos
Rússia


Lista Geral é uma habilitação para exportar para todos os países do mundo. Atualmente EUA, Comunidade Européia, Rússia e China têm restrições quanto à exportações de carnes in natura do Brasil, de modo geral.
 
A PLANTA FRIGORÍFICA
 
Área: 16 ha (160.000 m²) de terreno, que contém prédios com 32.000 m².
Distância Planta-Porto: 300 km do Super Porto de Rio Grande, por rodovia e ferrovia.
Localização: no centro do estado do Rio Grande do Sul.
A linha férrea passa pela própria planta, o que tem um grande valor logístico.

 
GENERALIDADES
 
Na região há abundância de pastagem de inverno, criando super oferta de gado (bovinos e ovinos) de excelente qualidade para abate. Também, em seu entorno está concentrada um forte pólo de criação de suínos, o que lhe confere situação ímpar e privilegiada.
Essa situação geográfica privilegiada, e coloca entre as plantas de maior potencial produtivo do estado do RS. Está no centro de uma região de grande produção agrícola e com perfeita integração lavoura-pecuária, o que possibilita fornecimento de matéria prima o ano inteiro.
Além disso, o escoamento para exportação via Super Porto de Rio Grande, situado a 300 km, se faz por vias rodoviária e ferroviária. A linha férrea passa por sua planta e fica a apenas 60 km do centro das malhas rodoviária e ferroviária do estado.
O RS se firma como a grande fonte de exportação de carnes, livre de restrições.
 
 
 
As instalações do frigorífico estão em excelente estado de conservação e funcionamento e são compostas de:

1 - CURRAIS:
Currais de espera: capacidade para 363 bovinos.
Currais de matança: capacidade para 495 bovinos.
Currais de seqüestro: capacidade para 8 bovinos.
 
2 - POCILGAS:
Pocilgas de matança: capacidade para 1.500 suínos.
Pocilgas de seqüestro: capacidade para 20 suínos.
 
3 - CAPACIDADE DE ABATE:
A capacidade de abate é calculada em função da velocidade do equipamento que é de 100 bovinos e 200 suínos por hora, fazendo com que no mesmo dia se abata 1.000 bovinos e 1.300 suínos, usando apenas 3 turnos de 6 horas diárias.


4 - INSTALAÇÕES DISPONÍVEIS NOS ABATES:
Para bovinos

Para suínos

Comuns a ambos
Sala de esfola
Sala de depilação
Sala de evisceração
Sala de triparia (limpeza)
Câmara de resfriamento
Sala de miudeza quente
Câmara de resfriamento de miúdos
Sala de embalagem de
miúdos

Sala de embalagem de miúdos

Sala de bucharia e triparia
 
 
CAPACIDADE DE DESOSSA:
Bovinos: 32kg/hora/homem, totalizando 256kg/dia/homem.
Suínos: 64kg/hora/homem, totalizando 512kg/dia/homem.
 
CÂMARAS DE RESFRIAMENTO:
Para bovinos: 8 câmaras com capacidade para 1.300 carcaças de bovinos.
Para suínos: 2 câmaras com capacidade para 640 carcaças de suínos.
 
CÂMARAS DE CONGELAMENTO:
Para bovinos: 6 câmaras com capacidade para 504 carcaças de bovinos e 40 t de miúdos.
Para suínos: 1 câmara contendo capacidade para 890 carcaças de suínos.
 
CÂMARAS DE ESTOCAGEM:
Sete câmaras com capacidade total para 4.060 t sem osso ou 2.750 t com osso.

GRAXARIA:
5 digestores com capacidade para 3.000 kg/unidade.
2 prensas com capacidade para 100 kg/h/unidade.
4 autoclaves com capacidade para 3.000 kg/unidade.
3 tanques de depósito de sebo com capacidade para 25.000 kg/unidade.
 
SALGA DE BOVINOS:
1 câmara de salga com capacidade para 50 toneladas.
2 estufas a vapor (temperatura: + 45º C) com capacidade para 10.000kg.
 
REFINARIA DE BANHA: Capacidade de produção diária 7.000 kg.

Descrição dos Equipamentos
Capacidade
2 digestores
3.000 kg/unidade
2 tanques de depósito
2.500 kg/unidade
1 tanque de depósito
1.000 kg
2 tanques para lavar banha
3.300 kg/unidade
1 prensa
800 kg/torresmo
1 pólo de resfriamento
800 kg/hora
1 máquina de empacotamento
800 kg/hora


ÁGUA: Captação, Tratamento e Distribuição:
Barragens: 7 (sete) barragens, com captação de 60 m³/hora cada uma.
Poços artesianos: há 6 poços com vazão total de 52,5 m³/h.
Reservatórios: há 13 reservatórios, tendo capacidade para armazenarem 1.589 m³ de água fria mais 48 m³ de água quente. Os reservatórios estão distribuídos em diversos pontos do frigorífico: depósito central, porão das câmaras, currais, sala de abate, triparia, esterilizadores, compressores, limpeza e caldeira.
Tratamento: decantador com capacidade para 270 m³ e filtração com capacidade para 60 m³/h.
 
O Frigorífico possui auto-suficiência de água e uma infra-estrutura de tratamento de efluentes com três lagoas de decantação, sendo que suas atividades não produzem a mínima agressão ao meio ambientes.
VAPOR: Geração e Distribuição:
Duas caldeiras com capacidade de produção de 5.500 kh/unidade de vapor.
Tratamento de água para caldeira: 4 equipamentos com capacidade total de 9,8 kg/dia.
Condensar evaporativo: 4 equipamentos com capacidade total de 0,29 kg/dia.
 
FRIO: Geração e Distribuição:
7 transformadores com capacidade total de 1.050 kva
Demanda contratada:
889 kw para ponta período seco
1.270 kw fora da ponta período seco
1001 kw para ponta período úmido
1.430 kw fora da ponta período úmi
 
PROJEÇÕES FINANCEIRAS
 
4.1. Premissas – Valores em US$ 1.Capacidade de Produção
 
Capacidade de faturamento usando 3 turnos de 6 horas cada:
100 bovinos/hora x 10 horas = 1.000 bovinos/dia * 25 dias/mês = 25.000 bovinos
200 suínos/hora x 6,5 horas = 1.300 suínos/dia * 25 dias/mês = 32.500 suínos
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário